Navigator



Já contamos com 5 meses de amamentação

Se há sítios agradáveis e que nunca esquecemos, sem dúvida que a Bem Nascer, é um deles. Por tudo, o apoio, o conforto o conhecimento, o carinho, e todo o meio envolvente.
Já passaram 5 meses, fez hoje mesmo.... E quero agradecer todo o apoio que me foi dado.
Desde o parto maravilhoso, tranquilo, digno de uma "princesa", como qualquer mulher sonha e deve ter. Ao pós parto, muito obrigada Ana. E as maravilhosas massagens para o bebé...
Já para não falar da amamentação, o que seria de mim, com todos os meus medos e inseguranças, sem todo este apoio!
O Vicente um dia agradece, esta vitória é nossa. Minha, do Vicente e da Bem Nascer.
Um muito obrigada, sincero e do fundo do coração, já contamos com 5 meses de amamentação.

Joana Silva 
Mãe do Vicente


Publicado em: 2015-01-23 13:02:58

Partilhe:

"Tenho em mim todos os sonhos do mundo..."

"Tenho em mim todos os sonhos do mundo..."
A afirmação pode não ser original, mas é, sem sombra de dúvida, a que melhor condensa o sentimento que qualquer mãe (futura, presente ou para sempre) nutre face à expectativa de gerar, dar à luz, acarinhar e educar um filho.
Ver um sonho ganhar forma...
Senti-lo crescer a pouco e pouco e reclamar o seu espaço no mundo real.
Criar um Ser a partir de nós mesmas e vê-lo tornar-se um pedacinho do que somos, mas perfeito, sem mácula.
É ter dentro de nós o maior e o mais pequeno sonho do mundo e ansiar pela sua materialização num choro. O mais belo choro que alguém pode e quer ouvir.
Neste arbítrio que é ser mãe, muito há por saber, muitas são as dúvidas e incontáveis os receios.Tremenda a ansiedade e avassalador o medo de falhar.
Eis a importância de contar com alguém que nos ensine, nos esclareça.
Alguém que vá para além disso.
Alguém que nos ajude a desvalorizar os receios, a serenar a ansiedade.
Alguém que nos leve a perceber que o medo de falhar não é exclusivo de quem o sente, mas antes algo partilhado por todos quantos têm nas suas mãos o destino de outrem...o sonho que entretanto respira e sorri.
Alguém que esteja sempre lá.

(Também) assim é ser mãe...

Muito obrigada à Bem Nascer por ter tornado este sonho naquilo que todos os sonhos devem ser: uma magnífica e deslumbrante realidade.

À enfermeira Violante o meu muito obrigada por ter sido um pouco de tudo que nos faz falta nesta etapa:
Conselheira, confidente...amiga.


"Tenho deitado num pequeno berço o maior sonho do mundo...Ricardo Matias"


Publicado em: 2013-04-16 23:17:46

Partilhe:

É a nossa vida a nossa luz!



Olá Ana!!!
Mais vale tarde do que nunca...não só eu como o Pedro e Gustavo queremos agradecer-lhe tudo o que fez por nós enquanto a preparação para o parto e durante o parto...o nosso muito obrigada!!!
Para mim poder fazer a preparação para o parto consigo foi uma segurança e um bem estar óptimo...obrigada pela sua amizade, simpatia, apoio e profissionalismo!!!
Para mim foi muito importante tudo o que aprendi consigo e deixou-me muito calma ter a sua presença na hora H...Obrigada!!! O Pedro adorou poder ir as suas aulas e poder fazer parte deste processo que e tao nosso, da mulher mas que podemos transformar um processo também dele...o facto de ele poder estar comigo na hora do parto foi muito importante tanto para mim como para ele. Mais uma vez o nosso muito obrigada por tudo...jamais nos esqueceremos!!!
O Gustavo é um menino lindo, cheio de muita energia, com uma personalidade muito forte, é muito alegre, meigo, traquina...é a nossa vida a nossa luz!!!
Beijinho enorme
                                              
Liliana
Mãe do Gustavo


Publicado em: 2014-01-03 16:05:49

Partilhe:

Massagem do bebé

Quando pensamos e desejamos ter um filho, em regra, planeamos dar-lhe o melhor que podemos e conhecemos. Foi, de facto, partindo desta vontade inicial que pensei vir a frequentar um curso de massagem infantil assim que o meu filhote o permitisse.
Para lá desta ideia prevalecente, os receios iniciais eram alguns, nomeadamente a reacção do Afonso, por se tratar de um criança que choro fácil e frequente. Todavia, e felizmente, estes receios foram-se dissipando no primeiro dia do curso, em que o meu bebé me presenteou com frequentes sorrisos e um permanente contacto visual, interpretado como uma manifestação de contentamento. Ainda no mesmo dia, outra das surpresas passou pelo primeiro banho na banheira shantala em que pude deliciar-me com o relaxamento e satisfação do meu filho, nem sempre constate na banheira tradicional.
Finda a primeira sessão do curso, prevaleciam as certezas de querer continuar a proporcionar estes pequenos prazeres ao meu bebé e a mim própria, de modo que a massagem passou a ser um objectivo diário. Afinal trata-se, do meu ponto de vista, de uma forma privilegiada mimar o nosso bebé e, por acréscimo, sermos mimadas com sorrisos e risadas que transparecem bem-estar.
Numa época em que tanto se fala na qualidade do tempo que dedicamos aos nossos filhos, esta é, para mim, uma excepcional forma de incremento dos laços de afecto entre ambos, baseada no contacto visual, toque e comunicação verbal, para lá de todos os benefícios a médio e longo prazo, verificados pela investigação até então realizada.   
A continuidade da massagem e as demais sessões do curso permitiram-se assistir a um bebé mais relaxado e, quero crer, mais feliz ao ponto de numa das noites subsequentes, depois de uma massagem e de um banho, ter dormido cerca de nove horas consecutivas.
Aliado a tudo isto, eu e o Afonso pudemos contar com a experiência, segurança, confiança e carinho da Enfermeira Ana Violante na transmissão da técnica e dos aspectos-chave de todo o procedimento e que fizeram e farão a diferença, uma vez que considero irrealista pensar que se poderá massajar adequadamente um bebé partindo do senso comum.
Por fim, penso poder referir que a massagem do bebé adquiriu mais dois fãs…

Maria João                                

Mãe do Afonso



Publicado em: 2012-04-23 23:48:40

Partilhe:

Um ambiente familiar

Quando descobri que estava grávida fiquei empolgada, mas também um pouco assustada! Afinal de contas estava a enfrentar uma mudança enorme na minha vida. E achei que era importante frequentar as aulas de preparação para o parto. Como o meu centro de saúde é distante do local onde actualmente resíduo, procurei na net e descobri a Bem Nascer. Como um ditado antigo diz: “Há males que vêem por bem! É certo, se estivesse no meu centro de saúde aqui ao lado talvez não fosse procurar outra solução. Sem qualquer tipo de hesitação, afirmo que foi muito importante este curso, principalmente por dois motivos:
Primeiro, quando chegou a hora, estive confiante, tranquila e não desesperei. Procurei relaxar e por em prática as técnicas de relaxamento, de respiração que aprendi nas aulas para ajudar a controlar o trabalho de parto e reduzir as dores. Sentia-me preparada, sem dúvidas com o que ia acontecer durante o parto. Foram muito importantes os esclarecimentos que o meu marido também teve nestas sessões: ao saber tanto como eu foi um assistente muito mais eficiente durante o parto.
Segundo, quando chegamos a casa, inicia-se uma fantástica aventura onde todas as horas, noites, dias, semanas, meses, contam. Principalmente o primeiro mês é repleto de dúvidas, perguntas, inquietações e momentos críticos. Infelizmente, ou felizmente, o bebé não vem com «manual de instruções»! Por estas razões é importante sublinhar o quanto foi importante o apoio da Enf. Ana, que esteve sempre disposta a esclarecer todas as dúvidas com clareza, rigor e com muito carinho. OBRIGADA!
Em suma, acredito que toda a gente pode beneficiar se frequentar as aulas de preparação para o parto na Bem Nascer. São divertidas, instrutivas, e cria-se um ambiente familiar que proporciona a criação de amizades com os outros casais que frequentam as mesmas aulas.

 

Ana Rita
Mãe do Francisco

                                   


Publicado em: 2012-04-23 23:49:43

Partilhe:

Aprendi tanta coisa

Estava de 36 semanas e ainda não me tinham chamado para a preparação do parto no centro de saúde.
Estava a ficar preocupada, pois tinha medo que não houvesse tempo para aprender, pois sempre pensei que o Afonso nascesse as 38 semanas.
Até que, um feliz dia, comentei com a Enf.ª que ainda não me tinham chamado... falou-me da Bem Nascer e da Enf.ª Ana Violante. Não hesitei em pedir-lhe o número de telefone.
E tudo começou... Além da amizade que criei com a Enf.ª Ana, foi das melhores experiências que vivi na minha gravidez.
Aprendi tanta coisa... tenho a certeza que se não tivesse conhecido a Enf.ª Ana e frequentado a Bem Nascer, não teria tido o parto maravilhoso que tive.
Foi tudo tão natural, nem parecia que ia ter o meu primeiro filho, pois apliquei naquele momento todas as técnicas e "truques" que a Enf.ª Ana me ensinou,
nem foi preciso epidural, vejam lá... e o mais incrível é que gozei o momento do nascimento do meu pimpolho, mesmo com as dores.
Quando o parto passou, pensei "valeu mesmo a pena ter conhecido aquela" Enf.ª". Mas ainda estava tudo no início... Quando a Enf.ª Ana me ajudou em casa, aí sim, foi a melhor ajuda possível, pois por a teoria na prática é sempre mais complicado, quando nos vemos aflitas com a subida do leite... Ficamos logo atrapalhadas!!!
Enfim, tenho de parar de escrever, se não passa a testamento eheheh...
O meu conselho, para todas as grávidas e futuras grávidas, é... frequentem a Bem Nascer, pois verão que ser Mãe, junto da Enf.ª Ana Violante, é muito mais fácil.
E ser Mãe, é a melhor coisa do mundo (mesmo com os sonos todos trocados)
Um beijinho grato e com amizade à Enf.ª Ana.


Vânia Henriques

Mãe do Afonso


Publicado em: 2012-04-23 23:43:43

Partilhe:

A Catarina nasceu!

Devo dizer que o momento do nascimento da minha filha foi mágico e para isso muito contribuiu a sua ajuda. Sendo certo que já deve saber que o seu papel enquanto “instrutora” de final de gravidez é sem dúvida fundamental (já deve ter ouvido isso muitas vezes!!), para mim foi muito mais… A Ana deu-me a tranquilidade, o conforto, as certezas de que tudo iria correr bem, que eu precisava! Senti, nos conselhos que me deu, no acompanhamento que me fez, nos abraços que me deu, um carinho que superou largamente o que estava à espera!

E não tenho muitas mais palavras para lhe agradecer do fundo do coração tudo o que fez por mim! Só mesmo dizer-lhe que se algum dia descobrir qualquer coisa que eu lhe possa ser útil, eu cá estarei para si com o meu peito cheio de carinho por si! MUITO OBRIGADA!


Mónica Mendonça
Mãe da Catarina

 

      


Publicado em: 2012-04-23 23:47:46

Partilhe:

Carta aberta

Um sonho projecta-se para o futuro quando recebemos a notícia que voltaremos a ser pais. A alegria, o recordar uma paternidade primeira, o preparar uma segunda… O tempo vai-se instalando inexoravelmente, as dúvidas e o nervosismo apoderam-se pouco a pouco do nosso coração… Como será? Já não me recordo muito bem. O que fazer? Por onde seguir? ...
Ainda envoltos na inquietação, surge o momento de fazer a preparação para o parto.
Onde recorrer? À enfermeira Ana Violante, afirma a esposa. Mas é em Santarém e nós vivemos em Rio Maior. Vale a pena, convence-nos a esposa e o feto que se revela naquela barriga proeminente.
Então partimos e descobrimos a bemnascer, onde a enfermeira Ana Violante, com muita simpatia e profissionalismo, nos acolhe e vai dissipando as dúvidas e acalmando nossas incertezas.
Para mim, a possibilidade de participar activamente na preparação do parto, através das sessões teóricas e práticas, permitiram uma consciência progressiva e responsável de um parto em conjunto.
Nas sessões teóricas revisitámos uma educação parturiente que nos ajuda a perceber a fisiologia e a psicologia do parto, para além das coisas práticas: o que levar, como levar…quando não somos guiados por profissionais é uma atrapalhação e o rol de coisas desnecessárias acumula-se. Eu sei, eu estive lá… na maternidade… e vi a dificuldade de outros casais.
Nas sessões práticas, trabalhamos em conjunto para um bem comum, um parto relaxado e com efeitos nocivos reduzidos para a mãe e para o bebé.
Mas…
Chegou o grande dia! Calmo, pois sabia o que ia acontecer, segui com a minha esposa para o hospital… Convidado a entrar, esclarecido, sabia como a podia ajudar a melhorar aquele momento doloroso… Convidado a sair, obediente, devido à certeza de que tudo iria correr bem, pois sabia que tudo estava a decorrer naturalmente. Avisado, pois a enfermeira Ana Violante foi incansável, quer pela presença quer pela disponibilidade através dos meios de comunicação.
HOJE, A MARIA NASCEU!
A enfermeira continua presente e disponível, inclusive desloca-se a nossa casa…a paz permanece. Não poderia estar mais calmo e satisfeito.
A preparação para o parto não foi apenas a prestação de um serviço, foi um acto de amor e dedicação à maternidade e paternidade, foi segurança, momentos divertidos de entrega a uma filha querida que ia nascer!
OBRIGADO BEM NASCER!
OBRIGADO ENFERMEIRA ANA VIOLANTE!

Um pai distraído!!!
Pai da Maria

 

      

          


Publicado em: 2012-04-23 23:43:17

Partilhe:

Um feliz desencontro

Foi por um (feliz) desencontro com o local onde iria fazer a preparação para o parto que cheguei ao espaço Bem Nascer e à Enf.ª Ana Violante.
Além do convívio, amizade e tranquilidade que o curso proporcionou, o que penso que foi de extrema importância foi a presença e a disponibilidade da Enf.ª em casa após o parto.
Porque apesar de ter aprendido toda a teoria, há momentos em que a presença física de profissionais (amigos) são essenciais: teste do pezinho, acalmar o desconforto da subida do leite... tudo no conforto da nossa casa.
Por tudo isto recomendo vivamente o curso de preparação para o parto da Bem Nascer. E também não posso esquecer o cartão de descontos em lojas e farmácias aderentes


Sónia Ferreira
Mãe da Laura

 

   

 


Publicado em: 2012-04-23 23:41:38

Partilhe: