Navigator



Carta aberta

Um sonho projecta-se para o futuro quando recebemos a notícia que voltaremos a ser pais. A alegria, o recordar uma paternidade primeira, o preparar uma segunda… O tempo vai-se instalando inexoravelmente, as dúvidas e o nervosismo apoderam-se pouco a pouco do nosso coração… Como será? Já não me recordo muito bem. O que fazer? Por onde seguir? ...
Ainda envoltos na inquietação, surge o momento de fazer a preparação para o parto.
Onde recorrer? À enfermeira Ana Violante, afirma a esposa. Mas é em Santarém e nós vivemos em Rio Maior. Vale a pena, convence-nos a esposa e o feto que se revela naquela barriga proeminente.
Então partimos e descobrimos a bemnascer, onde a enfermeira Ana Violante, com muita simpatia e profissionalismo, nos acolhe e vai dissipando as dúvidas e acalmando nossas incertezas.
Para mim, a possibilidade de participar activamente na preparação do parto, através das sessões teóricas e práticas, permitiram uma consciência progressiva e responsável de um parto em conjunto.
Nas sessões teóricas revisitámos uma educação parturiente que nos ajuda a perceber a fisiologia e a psicologia do parto, para além das coisas práticas: o que levar, como levar…quando não somos guiados por profissionais é uma atrapalhação e o rol de coisas desnecessárias acumula-se. Eu sei, eu estive lá… na maternidade… e vi a dificuldade de outros casais.
Nas sessões práticas, trabalhamos em conjunto para um bem comum, um parto relaxado e com efeitos nocivos reduzidos para a mãe e para o bebé.
Mas…
Chegou o grande dia! Calmo, pois sabia o que ia acontecer, segui com a minha esposa para o hospital… Convidado a entrar, esclarecido, sabia como a podia ajudar a melhorar aquele momento doloroso… Convidado a sair, obediente, devido à certeza de que tudo iria correr bem, pois sabia que tudo estava a decorrer naturalmente. Avisado, pois a enfermeira Ana Violante foi incansável, quer pela presença quer pela disponibilidade através dos meios de comunicação.
HOJE, A MARIA NASCEU!
A enfermeira continua presente e disponível, inclusive desloca-se a nossa casa…a paz permanece. Não poderia estar mais calmo e satisfeito.
A preparação para o parto não foi apenas a prestação de um serviço, foi um acto de amor e dedicação à maternidade e paternidade, foi segurança, momentos divertidos de entrega a uma filha querida que ia nascer!
OBRIGADO BEM NASCER!
OBRIGADO ENFERMEIRA ANA VIOLANTE!

Um pai distraído!!!
Pai da Maria

 

      

          


Publicado em: 2012-04-23 23:43:17

Partilhe: